Corrimento em Excesso

Candidíase Recorrente: É Por Isso Que Você Tem...

Quando o corrimento em excesso é amarelado, branco com aspecto coalhado, esverdeado ou acinzentado, é um sintoma de infecção, como a candidíase, vaginose ou tricomoníase. O corrimento transparente em excesso é normal em algumas situações, como no período fértil e gravidez.

Outros fatores podem estar por trás dessa produção excessiva de corrimento: alterações hormonais, excitação sexual, inflamações, DST’s e tudo irá depender de como são suas características!

Corrimento em Excesso com Mau Cheiro e Coceira




Se você percebeu corrimento em excesso com mau cheiro, irritação, ardor, coceira e inchaço na vagina e/ou dor ao urinar isso pode ser sinal de:

Corrimento em Excesso na Gravidez

Acontece e é absolutamente normal quando a secreção vaginal não apresenta características anormais. Isso acontece por que a área da vagina fica muito mais irrigada nesse período e a pressão do útero contra a vagina também aumenta. Além disso, a variação hormonal influencia na produção excessiva da secreção.

Mas quando o corrimento em excesso vir acompanhado de mau cheiro, mudança em sua coloração, irritação, ardor e coceira, pode ser sinal de vaginoses (corrimento acinzentado), tricomoníase (corrimento amarelo esverdeado), candidíase (corrimento branco e pastoso, como leite coalhado), gonorreia ou clamídia.

Quando o corrimento em excesso na gravidez é marrom ou sanguinolento contate imediatamente seu ginecologista já que isso pode ser sinal de descolamento da placenta, aborto espontâneo ou gravidez ectópica.

Corrimento em Excesso Amarelado

É sinal de que a flora vaginal está desequilibrada – o que desencadeia a vaginose bacteriana – e pode vir acompanhado de mau cheiro, ardor, coceira e irritação.

Corrimento em Excesso Transparente

Pode acontecer durante a excitação sexual feminina, durante o período fértill ou na gravidez e é absolutamente normal!

Corrimento em Excesso Esverdeado

É um sintoma característico da tricomoníase e vem acompanhado de mau cheiro e outros sintomas irritativos.

Corrimento em Excesso Branco




Quando tem aspecto de leite coalhado, irritação e coceira na vagina, é sinal de candidíase. Com mau cheiro e irritação pode ser sinal de vaginose bacteriana, com sua cor variando do branco ao branco acinzentado. Quando não apresenta mau cheiro ou irritação pode ser fruto de alterações hormonais ou estar associado à gravidez.

Remédio para Corrimento em Excesso

O corrimento em excesso será tratado de acordo com a doença que o está causando. Quando não apresenta mau cheiro, cor diferenciada ou sintomas irritativos pode ser normal, já que cada mulher tem sua particularidade e uma pode produzir corrimento fisiológico em excesso e a outra não!

Em geral, os medicamentos utilizados para combater as infecções fazem com o corrimento também diminua de volume, como antibióticos, antifúngicos e antiparasitários.

Remédios para corrimento em excesso causado por:

Tricomoníase:

Vaginose Bacteriana:

  • Antibióticos: metronidazol, azitromicina, doxiciclina.
  • Antifúngicos: fluconazol, miconazol, clotrimazol, butoconazol, tioconazol.

Candidíase:

  • Antifúngicos: fluconazol, miconazol, clotrimazol, butoconazol ou tioconazol.

Corrimento marrom em excesso:

  • Pode ser sinal de restos de menstruação, gravidez, gravidez ectópica, aborto espontâneo, feridas no colo útero, atrofia vaginal ou outras enfermidades. Procure um ginecologista imediatamente.

Mais Sobre esse Assunto: